Kevin Feige revela 2 grandes "brigas" com a Disney no começo do MCU

  • por Minha Série em 17/05/2019 - 10:00

Com Vingadores: Ultimato fazendo um grande sucesso nos cinemas e fechando de forma épica o arco de 10 anos do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla original em inglês), o produtor da franquia, Kevin Feige, resolveu descontrair e responder a algumas perguntas dos fãs em um fórum no Reddit.

Entre os questionamentos, ele fez uma revelação sobre duas escolhas que poderiam ter modificado completamente a série de filmes baseados em quadrinhos — uma realidade tão alternativa que nem mesmo o Doutor Estranho poderia prever. Feige foi questionado por um fã sobre quais seriam as coisas mais difíceis de "vender" para executivos da Marvel e da Disney na hora de aprovar uma nova adaptação.

"Sempre há conversas e discussões antes de um filme ser feito, e na maioria das vezes foi uma colaboração incrível. Mas, quando a gente começou, as duas coisas que vêm na minha cabeça de 10 anos atrás são a escalação de Robert Downey Jr. e a decisão de fazer Capitão América: O Primeiro Vingador como filme de época da Segunda Guerra Mundial", diz o produtor.

Kevin Feige revela 2 grandes "brigas" com a Disney no começo do MCU

Pois é, acredite se quiser: Robert Downey Jr., hoje incontestável como a encarnação de Tony Stark, não era visto com bons olhos pelos executivos para estrelar Homem de Ferro em 2008. Os motivos até são compreensíveis: ele não tinha experiência em tantos blockbusters, apesar de uma carreira com alguns papéis principais, como em Chaplin. Além disso, em 2008 ele estava em baixa, se recuperando de problemas com vício. Já imaginou o MCU sem ele?

Felizmente, Feige lutou pela indicação e teve o apoio do diretor Jon Favreau, que acreditava em Downey Jr. justamente por ele "entender" o personagem.

Kevin Feige revela 2 grandes "brigas" com a Disney no começo do MCU

Já o caso de Capitão América era mais simples: todos os outros longa-metragens seriam contemporâneos ou no máximo se passariam poucas décadas antes. Além disso, filmes de guerras históricas podem ser considerados mais nichados e poderiam afastar o grande público — coisa que não aconteceu.

Este texto foi escrito por Nilton Kleina via nexperts.

Assuntos
Cinema, Cinema: Bastidores, Marvel, Quadrinhos/HQs

Leia Mais

Deixe seu comentário