Após Black Mirror: Bandersnatch, Netflix quer dobrar conteúdo interativo

  • por Minha Série em 13/03/2019 - 12:36

Ame ou odeie, a verdade é que Black Mirror: Bandersnatch conquistou uma boa audiência em nível internacional na Netflix. O episódio interativo nos moldes de livros e atrações do tipo “Você decide” conseguiu chamar muita a atenção em seu mercado local em também foi gigante em outras praças.

"É um enorme sucesso aqui na Índia e em todo o mundo. Essa narrativa interativa é algo em que queremos apostar mais. Estamos dobrando essa aposta. Portanto, espere durante os próximos dois anos para ver mais histórias interativas”, disse o vice-presidente de Produto do serviço de streaming, Todd Yellin, ontem (12), em uma apresentação em Mumbai.

netflix

A ideia é usar outros gêneros. “Não será necessariamente ficção científica, ou não será necessariamente sombria. Pode ser uma comédia maluca. Pode ser um romance, em que a platéia pode escolher se ela deveria sair ou não com com ele”, projeta.

Mais conteúdo local e foco internacional

Como já apontamos nesta matéria, a Netflix vive de olho na audiência dos primeiros 28 dias de cada atração e sempre procura por tendências internacionais. Isso se confirma com outras declarações de Yellin, que promete aumentar o número de atrações produzidas na Índia — especialmente por conta de “Sacred Games”, que registrou dois de cada três espectadores em outros países.

Embora o investimento em conteúdo regional possa parecer “bairrismo”, a ideia é justamente o contrário. A Netflix pretende usar o que faz sucesso em certas praças para o mundo todo e isso inclui aumentar o número de idiomas. Segundo Yellin, The Umbrella Academy, por exemplo, já está disponível em 25 línguas e deve ganhar mais 5 muito em breve.


A matéria "
Netflix deve dobrar conteúdo interativo como “Black Mirror: Bandersnatch”" foi escrita por Claudio Yuge para o TecMundo, um site da empresa NZN assim como o Minha Série.

Assuntos
Netflix, Streaming

Leia Mais

Deixe seu comentário