Miss Marvel: conheça a incrível primeira super-heroína muçulmana

  • por Minha Série em 16/05/2018 - 10:21

Todo mundo que acompanha o Universo Cinematográfico Marvel sabe que Capitã Marvel estreia no dia 8 de março de 2019. E parece que ela deve introduzir outra heroína: Miss Marvel, uma adolescente nerd e muçulmana.

A super-heroína interpretada por Brie Larson vai fazer sua estreia no cinema e, bem possivelmente, salvar o Universo inteiro. Mas mais importante do que isso, a produção marca o primeiro filme da Marvel inteiramente focado em uma heroína, o que é um marco para o mundo nerd. E é claro que seu eixo narrativo vai servir para abrir novas possibilidades para as histórias da Marvel.

O produtor executivo Kevin Feige deu uma entrevista recente à BBC árabe, na qual revela que é bastante provável que a Miss Marvel faça parte desse eixo narrativo. "Capitã Marvel está sendo gravado neste exato momento com a Brie Larson. A Miss Marvel, que é outra personagem nas histórias em quadrinhos, uma heroína muçulmana inspirada pela Capitã Marvel, é definitivamente algum dos trabalhos. Nós temos planos para ela, uma vez que tenhamos introduzido a Capitã Marvel no mundo."

Quem é a Miss Marvel?

Criada por Willow Wilson e Adrian Alphona em 2013, a Miss Marvel é a primeira super-heroína muçulmana. Nerd, adolescente e meio deslocada, Kamala Khan foi criada em Nova Jersey com toda a sua família paquistanesa. Ela é uma grande fã de quadrinhos e super-heróis, especialmente Carol Denvers, que acabava de ser promovida de Miss Marvel à Capitã Marvel.

Um dia, Nova Jersey é envolvida por uma névoa misteriosa (lançada pelo rei dos Inumanos, o Raio Negro), e ela acaba desenvolvendo superpoderes. E que poderes! Para começar, Kamala é uma transmorfa: ela pode se esticar, comprimir ou deformar qualquer parte do seu corpo conforme sua vontade. Além disso, ela produz uma luz amarela quando usa os poderes e pode se curar muito rapidamente — desde que seu corpo não esteja transformado durante o processo. No começo dos quadrinhos, ela tinha o poder de mudar sua aparência (até roupas), inclusive se tornando um objeto ou outras formas não humanas. Só que, quando seu corpo se cura rapidamente, suas células perdem parte da elasticidade, e ela acaba perdendo essa habilidade.

Então, a Capitã Marvel decide treiná-la, para que ela seja uma boa super-heroína.

É importante frisar que Miss Marvel é uma personagem bastante nova nas HQs, mas mesmo assim se tornou bastante querida pelos fãs. Ainda mais se tratando de uma menina muçulmana! Infelizmente, os muçulmanos sofrem bastante preconceito em muitos lugares do mundo, sendo frequentemente relacionados a terrorismo e guerras.

Vai ser muito interessante ver a Marvel, uma empresa com alcance global, inserir diferentes religiões e culturas em seus filmes. Principalmente pelo público jovem: assim como o Homem-Aranha, Kamala é uma adolescente nerd com quem os fãs podem se identificar e ver que sua cultura não é violenta ou digna de preconceito.

A personalidade e os dramas de Kamala Khan não são só sobre sua religião: ela enfrenta vilões e tem problemas em casa como todo mundo. Por exemplo, a menina tem atritos com pais superprotetores, um irmão conservador e problemas na escola por ser "diferente". E como toda adolescente, Kamala está lutando para construir sua própria identidade.

Apesar disso, é inegável que as histórias de Miss Marvel — que contam com muçulmanos na sua criação — sirvam para reflexão de muitas pessoas. A editora Sara Amant, que esteve presente desde o momento da concepção da personagem, garante que o objetivo não é "evangelizar" ninguém.

"Mesmo que o Islã seja parte da identidade de Kamala, o objetivo dessa revista não é ensinar sobre religião ou a fé islâmica em particular. Ela é sobre o que acontece quando você luta contra os rótulos impostos e como isso muda sua autoconsciência. É uma situação que todos nós enfrentamos, de uma forma ou de outra, não é específico para Kamala só porque ela é muçulmana. Sua religião é apenas um aspecto das muitas maneiras pelas quais ela se define."

Este texto foi escrito por Verenna Klein via nexperts.

Assuntos
Cinema, Marvel, Quadrinhos/HQs

Leia Mais

Deixe seu comentário